Você está em: Início / Tag / The Sinner

Melhores e Piores Séries de 2017

Por 17788 Acessos

Essas são as melhores e piores séries que vimos em 2017, não necessariamente lançamentos do ano.

Melhores

CAMILA: (Resenha) Esse ano foi de Doramas para mim. Assisti poucas séries e as que vi não foram tão boas quanto eu esperava (Hello, Stranger Things). Já falei tanto dessa série aqui que agora quase não tenho mais o que dizer. É sobre uma médica e um soldado que entram em conflito por causa do antagonismo de suas profissões e que quando são enviados para o mesmo lugar precisam repensar a forma como enxergam a vida. É clichê, é maniqueísta e é apaixonante. Esse foi um ano em que abusei de coisas doces e essa série está no topo das coisas doces do ano.

Leia tudo »

The Sinner

Por 3675 Acessos

The Sinner

Minha Classificação:
The Sinner - 2017 The Movie DB
de Derek Simonds
Status: 1 temporada (finalizada)
Episódios vistos: 8
Elenco: Jessica Biel, Bill Pullman, Christopher Abbott, Abby Miller, Dohn Norwood, Patti D'Arbanville
Gênero: Drama, Mistério
Canal Original: USA Network
Canal no Brasil: Netflix
Duração do Episódio: 45 minutos
Assistir The Sinner online: Netflix

Cora Tannetti é uma jovem mãe que comete um assassinato, sem nem saber porquê. Como as razões do crime estão cercadas de mistério e a assassina parece não ter noção do motivo, o Detetive Harry Ambrose resolve investigar a história a fundo e assim percebe que há muito mais nessa trama do que se imagina a princípio. 

BANHO DE SANGUE NA PRAIA: Dona de casa enlouquece

Assim que entrou na Netflix, fiquei curiosa para assistir The Sinner porque era com a Jessica Biel e também uma minissérie de suspense com um nome bem apelativo. Assisti um episódio e o mistério envolvendo o assassinato de Frankie e o passado de Cora já me pegou de tal forma que só fiquei satisfeita quando terminei a série inteira. Infelizmente esse post vai se ater aos quesitos mais técnicos e etc porque não posso dar spoilers, mas vou tentar descrever o quanto essa série é única e incrível. Ah, The Sinner é a adaptação do livro de mesmo nome da autora Petra Hammesfahr – apenas fiquei sabendo disso ao terminar a série, caso contrário, poderia ter lido o livro antes. 

Eu não sei. Apenas o fiz. E não sei porquê.

O roteiro de The Sinner é apenas sensacional. Tirando a grande revelação que está, claro, na Parte VIII, todos os episódios são interessantes e o espectador se vê ali tentando entender, junto com Cora e com o Detetive Ambrose, o que aconteceu no passado da moça para que ela matasse Frankie Belmont (Eric Todd). Aliás, a cena do assassinato é tão nada a ver que até levei um susto, porque é num momento totalmente inesperado! Cada pedaço de memória reconquistado por Cora é destrinchado, e o suspense da série só vai crescendo com o passar dos episódios – o fim da Parte III é o ponto de virada, o momento em que você que tava vendo a série por puro entretenimento passa a não sossegar enquanto não termina. Esse roteiro incrível também acompanha a vida do Detetive Ambrose e o quanto a família do marido de Cora está sofrendo com a sua prisão, tudo isso em paralelo com a investigação do crime, mas sem perder dramaticidade em momento algum. A complexidade dos personagens secundários é muito bem explorada, mas o que chama atenção realmente é o passado de Cora, que podemos ver através de flashbacks que vão montando o quebra-cabeças do que realmente aconteceu em julho de 2012.

Ainda sobre a memória de Cora, temos momentos que mostram o passado dela como um todo e o que aconteceu em 2012. No fim isso se junta, mas é muito interessante testemunhar a criação de Cora e como as pessoas de sua vida influenciaram seu eu do passado, que reflete no seu eu do presente. A relação conturbada com a mãe e com o pai, a irmã doente… Tudo influi para que o suspense dos acontecimentos da série se tornem psicológicos também, o que enriquece ainda mais o enredo. Os recursos de câmera e fotografia são usados com maestria para pontuar o passado e o presente de Cora: quando temos um flashback, a fotografia se torna mais quente; já no presente, a fotografia é mais fria. Penso que dois fatores fazem The Sinner ser tão excepcional: o roteiro e as performances. Jessica Biel dá tudo de si como Cora, cativando o espectador no seu sofrimento e angústia. Bill Pullman é o problemático e curioso Detetive Ambrose, Christopher Abbott é o marido de Cora, Mason, Enid Graham é a mãe extremamente religiosa de Cora e Jacob Pitts é J. D., traficante de drogas. Recomendo essa série para qualquer amante de suspense ou de uma história muito bem contada, porque The Sinner é realmente muito muito incrível e mostra que somos todos frutos do nosso ambiente. E que final, senhoras e senhores!!!!!!!!!