Você está em: Início / Tag / The Good Place

Melhores e Piores Séries de 2017

Por 17776 Acessos

Essas são as melhores e piores séries que vimos em 2017, não necessariamente lançamentos do ano.

Melhores

CAMILA: (Resenha) Esse ano foi de Doramas para mim. Assisti poucas séries e as que vi não foram tão boas quanto eu esperava (Hello, Stranger Things). Já falei tanto dessa série aqui que agora quase não tenho mais o que dizer. É sobre uma médica e um soldado que entram em conflito por causa do antagonismo de suas profissões e que quando são enviados para o mesmo lugar precisam repensar a forma como enxergam a vida. É clichê, é maniqueísta e é apaixonante. Esse foi um ano em que abusei de coisas doces e essa série está no topo das coisas doces do ano.

Leia tudo »

The Good Place

Por 4461 Acessos

The Good Place

Minha Classificação:
The Good Place - 2016 The Movie DB
de Michael Schur
Status: 2 temporadas (renovada)
Episódios vistos: 14
Elenco: Jameela Jamil, Ted Danson, William Jackson Harper, Kristen Bell, D'Arcy Carden, Manny Jacinto
Gênero: Sci-Fi & Fantasia, Comédia
Canal Original: NBC, Netflix
Canal no Brasil: Netflix
Duração do Episódio: 22 minutos
Assistir The Good Place online: Netflix

Eu li a sinopse quando a série estreou ano passado, mas quando comecei a ver na última sexta eu já tinha esquecido. Se você quiser começar a ver sem muita noção do que se trata, é só pular o parágrafo abaixo.

– Então quem estava certo?
– Cada religião acertou cerca de 5%…

A série começa com Eleanor chegando ao “lugar bom” (traduzindo literalmente o “The Good Place”) onde ela descobre que acabou de morrer e por ter sido uma pessoa boa na vida, foi parar no lugar bom. Depois de ser apresentada a tudo o que a vida após a morte oferece, à sua nova casa e à sua alma gêmea, descobrimos que ela foi uma péssima pessoa quando estava viva e está ali por engano. Devido a este equívoco uma série de coisas inesperadas acontece e Eleanor precisa decidir se avisa do erro ou se continua fingindo pertencer àquele lugar.

“Eu não deveria estar aqui.”

Vou começar dizendo logo: que coisa maravilhosa. É um humor simples, mas inteligente que me lembrou Trial & Error em muitos aspectos. A série não é só um monte de piadas jogadas, a história tem um desenvolvimento e nada é por acaso, tudo vai evoluindo e faz total sentido quando chegamos no final da temporada (onde cheguei em poucas horas porque não conseguia parar de ver). Adoro como eles conseguiram criar e usar direito piadas internas e fazer com que tudo tenha um objetivo final. Os cortes da série são maravilhosos, principalmente a primeira cena, com alguma coisa engraçada/bizarra seguida imediatamente pela música calma e título de abertura. Ah, todo episódio termina com um gancho para o próximo então uma maratona é inevitável, só queria te avisar mesmo.

Eu dei muitas risadas e me apaixonei por todos os personagens, inclusive os que começaram parecendo chatos, mas se tornaram mais humanos com o passar dos episódios. Amo todos, acho que a escolha de elenco foi impecável, mas eu não posso deixar de mencionar Janet que é quase um google e aparece quando é chamada para responder qualquer pergunta ou pedido que você tenha (lembrando que a série se passa numa espécie de paraíso onde isso seria possível). Janet não é humana e sua expressão e tom de voz são sempre impecáveis. Qualquer cena com ela se torna imediatamente minha favorita e é certeza que eu não vou conseguir chegar ao final sem rir.

Olá

O roteiro da série é incrível e eu já estou aqui completamente ansiosa pelos próximos episódios que serão disponibilizados semanalmente na Netflix. Tem humor pra quem gosta de humor, mistério pra quem gosta de mistério e reviravoltas previsíveis e imprevisíveis pra quem não é trouxa e pra quem é (sou trouxa). Além disso os episódios são curtinhos e eu me vejo fazendo muitas maratonas com ela enquanto for possível. Sério, acredita em mim e dá uma chance.

ATENÇÃO: pra você que não se interessou em ver a série mas tem interesse em ir para o lugar bom depois da morte, esse é um exemplo do sistema de pontos utilizado para calcular se você foi uma pessoa boa ou não. Boa sorte.