Você está em: Início / Tag / Meg Cabot

O Pedido – A Mediadora 6.5

por • 7355 Acessos

    Livros da série A Mediadora:

  1. A Terra das Sombras
  2. O Arcano Nove
  3. Reunião
  4. A Hora Mais Sombria
  5. Assombrado
  6. Crepúsculo
    1. O Pedido
  7. Lembrança
O Pedido – A Mediadora 6.5

Minha Classificação:
O pedido - A mediadora goodreads
de
Gênero:
ISBN: 9788501090508
Tradução: Camila Mello
Compre em lojas confiáveis:
saraivaculturasubmarinoamazonkindle
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

A Mediadora é uma série que eu li há anos e achei o desfecho suficiente, não via necessidade de uma sequência, mas já que tem eu quero ler. Enquanto Lembrança, o sétimo livro da série, não é lançado a Galera Record disponibilizou gratuitamente na Amazon o e-book que conta uma rápida história entre o final do livro anterior e o novo que virá.

Se você ainda não conhece a série, A Mediadora conta a história de Suzannah que se mudou para uma casa nova quando a mãe se casou com um homem que mora na Califórnia e tem três filhos de idades variadas. A protagonista tem que viver a vida normal de adolescente enquanto ajuda fantasmas a “passar para o outro lado”, onde quer que seja isso. No quarto da nova casa mora Jesse, um fantasma de outro século, e o romance entre os dois é inevitável apesar de um deles não estar mais vivo.

Vai ter um pouquinho de SPOILERS da série no que vou escrever abaixo, se não quiser saber fica à vontade.

Depois do até então fim da série onde Suzannah e Jesse finalmente ficam juntos para sempre, ambos começaram a fazer faculdadade em cidades diferentes, mas mantendo com sucesso o relacionamento à distância. Como o próprio título sugere, é neste conto que o ex-fantasma pede a mão da Mediadora em casamento.

“(…) a maioria dos seres humanos acha que ninguém jamais contaria uma mentira tão descarada na cara deles (e é por isso que acreditam tanto nas enganações dos políticos, dos mestres de obra e dos namorados safados).”

Quando eu peguei essa história para ler eu esperava que fosse ser só o pedido mesmo, mas teve muito mais, esse foi praticamente um livro da série que foi direto ao ponto. Os outros livros tinham tantas páginas porque além de apresentar o fantasma da vez e sua história, mostrava a Suze na escola, em casa, etc, então tinha um monte de páginas que não acrescentavam nada ao livro ou à série, já essa história curta foi eficaz no que tentou fazer. Trouxe “o caso da semana” ainda nos brindando com uma dose de Suzannah sendo rainha e Jesse sendo maravilhoso.

No entanto, o fato de ter ido direto ao que interessa teve seus pontos negativos, como por exemplo, os personagens secundários foram apenas mencionados, ficamos sabendo onde estão os pais e irmãos de Suzannah apenas de forma superficial. Paul – me dá arrepios só de escrever o nome desse cara sinistro – também aparece apenas em forma de menção, mas pelo que aconteceu aqui e pela sinopse do próximo, já sei que devo me preparar para doses de terror vindas desse personagem.

Esse foi um ótimo livro para reacordar todos os sentimentos que tínhamos por essa série querida e preparar o terreno para o que está por vir. Estou contando os dias para o lançamento e espero que o sétimo livro seja tão bom e traga tanta nostalgia quanto O Pedido consegui trazer.

0
comentário

A Hora Mais Sombria – A Mediadora 4

por • 6540 Acessos

    Livros da série A Mediadora:

  1. A Terra das Sombras
  2. O Arcano Nove
  3. Reunião
  4. A Hora Mais Sombria
  5. Assombrado
  6. Crepúsculo
    1. O Pedido
  7. Lembrança
A Hora Mais Sombria – A Mediadora 4

Minha Classificação:
A Hora Mais Sombria (A Mediadora, #4) goodreads
de
Publicação: em 2012
Gêneros: ,
ISBN: 9788501073471
Título Original: Darkest Hour
Páginas: 272
Tradução: Alves Calado
Compre em lojas confiáveis:
saraivafnacculturasubmarino
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

AVISO: Essa resenha pode conter SPOILERS da série.

[capa]

É nesse livro que a série finalmente diz a que veio! Logo no começo Suzannah vai trabalhar num hotel e descobre que além dela mesma e do padre, existe pelo menos mais um mediador no mundo. Em seguida ela é encontrada pelo fantasma de Maria da Silva, ex-noiva do Jesse, que pede que ela impeça a construção da piscina no fundo da casa. Ela começa a se preocupar se o corpo de Jesse estaria enterrado ali e o que isso significa para o “relacionamento” deles.

“Não sei o que as garotas vêem neles. Sério. Parecem animais. Não daqueles fofinhos.”

Finalmente!! Esse livro foi tudo o que os dois anteriores deveriam ter sido. Em A Hora Mais Sombria finalmente a história anda e conhecemos Paul, um garoto que vai ter certa importância nos volumes seguintes. Foi nesse livro que eu entendi porque tantos amam a Meg Cabot. Eu fiquei tensa o livro inteiro! A Suzannah está cercada por um monte de mistérios e, como o livro é narrado em primeira pessoa, eu ficava ansiosa junta com ela sobre o que aconteceria a seguir.

“Não que eu me importe particularmente com o que Paul Slater acha de mim. Quero dizer, meu coração (para inventar uma frase original) pertence a outro.”

O desfecho desse livro foi muito satisfatório e me deixou louca de vontade de continuar a série.  O único ponto negativo é o uso do tão batido triângulo amoroso que foi desnecessário. Pelo menos ainda tem um monte de coisa pra acontecer e isso acaba sendo um mero detalhe se comparado ao que ainda está por vir. 

“É, sabe qual o último livro que eu li? Deve ter sido O cãozinho Clifford. Isso mesmo. E, certo, eu estava lendo para uma criança de cinco anos, mas mesmo assim. Heidegger. Nossa!”

Reunião – A Mediadora 3

por • 5887 Acessos

    Livros da série A Mediadora:

  1. A Terra das Sombras
  2. O Arcano Nove
  3. Reunião
  4. A Hora Mais Sombria
  5. Assombrado
  6. Crepúsculo
    1. O Pedido
  7. Lembrança
Reunião – A Mediadora 3

Minha Classificação:
Reunião (A Mediadora, #3) goodreads
de
Publicação: em 2012
Gêneros: ,
ISBN: 9788501068705
Título Original: Reunion
Páginas: 272
Tradução: Alves Calado
Compre em lojas confiáveis:
saraivafnacsubmarino
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

No terceiro livro da série A Mediadora não temos nada de muito diferente dos volumes anteriores, mas é nas últimas páginas que a série começa a evoluir.

[capa]

Gina, a melhor amiga de Nova York, está na cidade para passar alguns dias com Susannah. As duas tem a intenção de aproveitar as férias na praia, mas a vida de mediadora não tem descanso. Quando vai até o mercadinho comprar refrigerantes, se depara com quatro adolescentes que só ela pode ver e se sente obrigada a ajudá-los. O que ela não sabia é que esse caso poderia colocar sua própria vida em risco.

Esse livro segue a fórmula dos outros dois – mostrando um mistério com fantasmas que a Suze tem que resolver -, mas pela primeira vez temos uma reviravolta grande no final e momentos de pura tensão. Finalmente vemos também uma evolução na novela com o Jesse que seguia a mesma desde o começo da série.

Isso era tremendamente empolgante. Nunca dois garotos tinham lutado por minha causa. Mas o fato de um deles ser meu meio-irmão e ter praticamente tanto apelo romântico para mim quanto Max, o cachorro da família, abafou um pouco meu entusiasmo. (…) Ah, por que eu tinha de ter dois fracassados daqueles querendo brigar por minha causa? Por que Matt Damon e Ben Affleck não brigavam por mim? Isso sim seria excelente.

A presença de Gina é uma diversão a parte! Ela é linda então os meios-irmão de Suze começam a disputar a atenção da garota rendendo cenas divertidíssimas. E é essa amiga que pela primeira vez faz com que a mediadora veja a nova família com bons olhos e deixe de vê-los apenas como esquisitos.

O suspense dessa vez foi mais “intenso” que os dos outros livros o que fez com que fosse uma leitura rápida. Suze continua extremamente divertida (vide quote acima) e é uma mocinha forte que resolve os próprios problemas e não tem muito medo de ninguém. Dos livros dispensáveis da série esse foi o melhor porque me fez ter todo o tipo de sentimentos e ainda me deu esperanças de que o resto da série seria memorável.

Essa é uma série BEM teen e eu recomendo a leitura para quem gosta do gênero. E se você gosta de histórias sobrenaturais com mocinhas hilárias, se joga!