Confidências, confusões e… MAIS GAROTAS! – Confidências, confusões 2

Por 8047 Acessos

    Livros da série Confidências, Confusões:

  1. Confidências, Confusões e... GAROTAS!
  2. Confidências, Confusões e... MAIS GAROTAS!
Confidências, confusões e… MAIS GAROTAS! – Confidências, confusões 2

Minha Classificação:
Confidências, confusões e... MAIS GAROTAS!
de
Publicação: em 2010
Gêneros: ,
ISBN: 9788579800382
Páginas: 237
Compre em lojas confiáveis:
saraivasubmarinokobo
A compra pode render comissão ao blog.

Numa noite de sexta-feira, sem nada pra fazer, devido ao temporal que alagou a cidade, um grupo de amigos resolve contar histórias de terror para passar o tempo. Mas o terror das histórias não tem nada a ver com vampiros, lobisomens ou qualquer coisa sobrenatural. Na verdade, eles contam histórias sobre chifres, sogras e muito mais.

[capa]

Thiago, Rodrigo, Vinícius e Daniel estão em casa numa sexta-feira a noite vendo pela janela que a rua está alagada devido ao forte temporal que ainda não parou. Sem absolutamente nada pra fazer, a noite começa a melhorar quando recebem a visita inesperada de Fernanda e Mel trazendo uma pizza. Parece que a noite não está perdida afinal. E mesmo com tanta chuva provavelmente ainda dá pra se divertir, a menos que Vinícius queira colocar seu DVD do Roberto Carlos. Mas antes que isso possa acontecer, se ouve um forte estrondo e a luz se apaga. Dizem que o prédio é mal-assombrado, então os amigos resolvem contar histórias de terror, mas tem que ser de coisas que aconteceram na vida real. E é aí que surgem histórias de sogra, chifres, amores de carnaval, cunhadas maravilhosas e muito mais.

Esse livro é continuação de “Confidências Confusões E… Garotas! ” do roteirista e escritor Gustavo Reiz. Apesar de ser parte de uma continuação dá pra ler tranquilamente um sem ter lido o outro, pois envolve apenas os mesmos personagens, mas não tem nada que te deixe preso à história anterior. O livro na verdade é uma reunião de contos engraçados de coisas que acontecem na adolescência e poderiam fazer parte da vida de qualquer um. Além das situações hilárias descritas pelos quatro amigos, um outro ponto forte é a narrativa e a maneira como cada personagem conta sua história dando um toque único e deixando claro que cada um tem uma personalidade diferente. O meu preferido foi o nerd Vinícius – ou Vinão, O Exterminador para os íntimos – que com sua gagueira deixava tudo mais engraçado, mas infelizmente não pôde terminar a história da Dona Co-Cotinha.

Leitura recomendada para todas as idades que sem dúvida vai te render boas horas de diversão.

Eu aceito o Desafio Mágico!

Por 2560 Acessos


“Harry Potter é um clássico!”
“Todo mundo já leu isso, Cibele”
“Você já deveria ter lido isso há muito tempo!!”

Ahan ahan eu sei disso tudo, mas nunca tive tempo – tá bom, VONTADE – de ler essa série. Também nunca vi nenhum dos filmes (ok, agora vai ter gente se matando aí) pra você ver o tamanho do meu desinteresse. Mas esse ano sai o último filme e isso já despertou em mim uma pequena curiosidade em ler a série, mas fiquei determinada mesmo depois de ir no encontro de fãs que teve aqui no RJ em novembro. Eu achava que era uma história bobinha, mas depois que eu fiquei sabendo de vários spoilers (spoiler de uma série que só eu ainda não li. Haha valeu) percebi que Harry Potter pode ser muito diferente do que eu imaginava. Mas o que me fez mesmo comprar o livro pra finalmente começar a leitura da série foi o Desafio Mágico do blog Nem Um Pouco Épico.

EM 2011 VOU LER E RESENHAR TODOS OS LIVROS DA SÉRIE HARRY POTTER.

Já comprei os dois primeiros livros. O primeiro, como comprei pelo Estante Virtual, ainda estou esperando chegar, mas o segundo encontrei por R$10 naquela edição lindinha com orelha e já garanti a leitura do mês de fevereiro.

Pretendo seguir o cronograma proposto no desafio:
Harry Potter e a Pedra Filosofal: Janeiro/2011
Harry Potter e a Câmara Secreta: Fevereiro/2011
Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban: Fevereiro/2011 Março/2011
Harry Potter e o Cálice de Fogo: Março/2011 Junho/2011
Harry Potter e a Ordem da Fênix: Março/2011 Junho 2011
Harry Potter e o Enigma do Príncipe: Abril/2011
Harry Potter e as Relíquias da Morte: Junho/2011

Bom, se eu ficar louca alucinada querendo ler todos imediatamente são vocês que vão ter que aturar várias resenhas seguidas, mesmo…


Quem quiser participar do desafio de leitura ou releitura da série, pode clicar aqui ou no banner na sidebar. Aproveita e conhece o Nem um pouco épico também, vai?


É proibida a reprodução total ou parcial deste artigo sem prévia autorização da autora.


ACESSOS: contador grátis


33
comentários

Terra de Sombras – Os Imortais 3

Por 7250 Acessos

    Livros da série Os Imortais:

  1. Para Sempre
  2. Lua Azul
  3. Terra de Sombras
  4. Chama Negra
  5. Estrela da Noite
  6. Infinito
Terra de Sombras – Os Imortais 3

Minha Classificação:
Terra De Sombras (Os Imortais #3) goodreads
de
Publicação: em 2010
Gêneros: ,
ISBN: 9788598078984
Título Original: Shadowland
Páginas: 269
Tradução: Flavia Souto Maior
Compre em lojas confiáveis:
saraivafnacculturasubmarinobwbkobo
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

AVISO: Essa resenha pode conter SPOILERS da série.

[capa]

Depois de ter sido traída por Ava e ter feito a escolha errada no fim do último livro, Ever se vê condenada a passar a eternidade afastada de Damen. Mas ela não pretende aceitar esse destino tão facilmente e tentará de todas as formas convencer Roman a entregar o antídoto que a permitirá tocar novamente em seu grande amor. Enquanto ela se tortura tentando encontrar a solução desse problema, surge Jude, um surfista bonitão que parece não ter aparecido em sua vida por acaso.

“Não pode simplesmente jogar o passado fora… não pode virar as costas para as coisas que definiram você.”

A série “Os imortais” já não é uma das melhores na minha opinião, mas esse livro foi difícil de engolir. Eu tenho consciência das milhares de falhas e defeitos da narrativa, mas mesmo assim eu estava disposta a acompanhar a saga de Ever até o final, mas depois de “Terra de sombras” não sei se ainda estou. Nesse livro ela tenta consertar a besteira que cometeu no final do livro anterior. A solução pra isso é muito fácil, porém moralmente condenável, então ela tenta encontrar outra solução. Até aí tudo bem, mas acho que o maior problema do livro foi o desperdício de páginas. Durante o livro não acontece absolutamente nada, a única coisa que salva é a explicação do que é Shadowland. Se você leu o resumo acima e pegar um spoiler do final, pode pular esse livro e passar pro próximo sem culpa. Porque aqui acho que a autora resolveu adotar a fórmula do livro anterior (tenho que resolver um problema, não sei como fazer isso, continuo sem saber, faço uma besteira colossal, fim) mas não tinha uma grande ideia pra isso. Acabou usando páginas pra encher linguiça e fez com que o terceiro livro fosse o pior da série – até agora.