P.S. Eu te amo

por • 7227 Acessos

P.S. Eu te amo

Minha Classificação:
P.S. Eu te amo goodreads
de
Publicação: em 2012
Gêneros: ,
ISBN: 9788581630625
Título Original: PS, I Love You
Páginas: 368
Tradução: Carolina Caires Coelho
Lojas confiáveis para comprar livros:
saraivafnacculturasubmarinokobo
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

Para ler minha opinião sobre o filme, clique aqui.

OBS: Essa resenha foi originalmente postada em 2010 portanto me baseei na edição da Relume Dumará. Como a Novo Conceito lançou uma nova edição em 2012, alterei as informações.

Eu li esse livro depois de me apaixonar completamente pelo filme e ter uma boa recomendação. Em “P.S Eu te amo”, livro e filme, a história contada é a de Gerry e Holly que são casados e extremamente apaixonados um pelo outro. Até que a morte inesperada de Gerry, devido a uma doença, deixa Holly sozinha. Mas antes de partir ele sabia que sua companheira sofreria e escreveu cartas para ajudá-la a superar aquele momento difícil. Porém a semelhança entre livro e filme acaba aqui. Como o foco é a resenha da históra escrita, vamos lá.

Holly e Gerry se conhecem e namoram desde os tempos de ensino médio. Todos os que convivem com eles sabem que são perfeitos um para o outro. Após um relacionamento de 15 anos que culminou num casamento, Gerry é diagnosticado com câncer no cérebro. Holly então decide largar o emprego (do qual já não gostava muito) para ficar em tempo integral ao lado do marido. Mesmo com tantos esforços, a doença de Gerry não pode ser curada. Sabendo de sua morte iminente, ele então escreve diversas cartas para a esposa com a intenção ajudá-la a viver a vida sem ele. Gerry a conhece tão bem que sabe que só ele seria capaz de confortá-la nesse momento.

PSN_EU_TE_AMO_1257116517P (1)

Capa da edição antiga da Relume Dumará

O livro começa após a morte de Gerry e acompanhamos por um tempo o sofrimento de Holly, que após se recuperar um pouco, decide ir visitar seus pais e irmãos, e é nessa visita que sua mãe entrega uma caixa com várias cartas e o nome de um mês em cada envelope. A primeira carta contém as instruções de como e quando Holly deve abrir cada envelope. Depois disso os maiores momentos de felicidade dela são os primeiros dias de cada mês, onde ela pode ler algo que Gerry escreveu pra ela. Dentre as cartas existem várias mensagens confortadoras, viagens, aventuras e coisas que ela deve cumprir enquanto seu marido ainda está ajudando-a a seguir em frente.

As diferenças entre livro e filme são muitas, mas eu não vou falar delas aqui pois posso acabar revelando algum spoiler pra quem ainda não viu nenhum dos dois. Enquanto o filme é quase um conto de fadas desde a forma como o casal se conhece até a forma como as cartas são entregues, o livro é mais “vida real” e está mais próximo de uma coisa que poderia acontecer na realidade.

A história do livro também é linda e me fez ficar com os olhos cheios d’ água, mas senti falta de algumas coisas que eu amei no filme como “nunca vi uma garota com tantas cores”. E o que me surpreende é o fato da editora não ter lançado uma edição com a capa do filme (porque vamos combinar a capa nacional é bem feinha).

E abaixo o trailer do filme, pra quem quiser conhecer ou relembrar:

 

Atualização 31/05/2010
Gente, boas novas:
A editora Relume Dumará e a loja Singular recolocaram o livro à venda, numa tiragem exclusiva para o Dia dos Namorados. Os pedidos podem ser feitos no site até o dia 4 de junho, e o livro será entregue em domicílio a tempo de você fazer o seu presente nesta data tão importante. Consulte os detalhes da promoção em http://ow.ly/1S4VR

        
Resenhas de Livros
38
comentários

Bubble Gum

por • 3917 Acessos

Bubble Gum

Minha Classificação:
Bubble Gum goodreads
de
Publicação: em 2004
Gênero:
ISBN: 8598078042
Título Original: Bubble gum
Páginas: 272
Tradução: Julio Bandeira
Lojas confiáveis para comprar livros:
saraivafnacculturasubmarino
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

Manon: Garota simples que mora com o pai no interior da França. No alto de seus 21 anos tem o sonho de se tornar modelo e atriz, embora hoje ela trabalhe apenas no bar da família.
Derek: Jovem bilionário entediado com sua vida. Um dia decide “dar uma animada nas coisas” e resolve que vai bater em alguém sem motivo algum. Vai fazer apenas por poder fazer. Mas se dá conta de que só isso não é suficiente. Então decide acabar com a vida de alguém, mas arruinar esta pessoa a ponto de ela não poder mais voltar atrás. E é aí que ele encontra a vítima perfeita pra isso: Manon.

Após alguns minutos de conversa Derek se dá conta de que aquela bela garota cheia de sonhos de se tornar famosa é a vítima perfeita para seu plano cruel. Quando percebe que ela faria qualquer coisa pela fama, até mesmo vender a própria alma se fosse necessário, ele decide dar a Manon tudo o que ela quiser, só para depois tirar tudo da pior forma possível. E é nessa história incrível que você se vê envolvido ao ler Bubble Gum. A escrita é ótima e você se pega confuso a maior parte do livro. Uma hora você pensa que é uma coisa, na outra você pensa que é outra e depois você volta a pensar que é aquela primeira de novo. É muito louco também pensar o que uma pessoa é capaz de fazer à outra e até que ponto de crueldade se é capaz de chegar. As reviravoltas são completamente inesperadas e você se vê odiando ora um personagem, ora outro já que cada capítulo é contado por um dos personagens principais. É maravilhosa a velocidade como os personagens pensam (muito parecido com a minha maneira de pensar) mudando de pensamento 100 vezes por minuto. Porém de tudo se tira uma lição, e aqui o que fica é que o mundo da fama pode ser bem cruel, se é que ele existe.

O livro é fantástico e eu simplesmente não conseguia parar de ler. Eu queria saber se quem estava alucinando era o Derek, a Manon, eu ou ninguém. O decorrer da história é fantástico, a única coisa ruim é o final, as últimas dez páginas, que se fosse diferente poderia ter feito de Bubble Gum um livro perfeito.

        
Resenhas de Livros
26
comentários

Ela Foi Até o Fim

por • 4073 Acessos

Ela foi até o fim

Minha Classificação:
Ela foi até o fim goodreads
de
Publicação: em 2010
Gêneros: ,
ISBN: 9788501082671
Título Original: She Went All the Way
Páginas: 400
Tradução: Camila Mello
Lojas confiáveis para comprar livros:
saraivaculturasubmarino
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

Lou Calabrese é uma roteirista de sucesso que ganhou o oscar por Hindenburg, roteiro que ela escreveu para alavancar a carreira de seu namorado de longa data. Só que ela não contava que depois do sucesso estrondoso do filme, Barry a largaria para casar instantaneamente com sua companheira de cena.

Agora ela está em um novo projeto Copkiller IV que espera ser seu último roteiro, pois pretende se dedicar inteiramente a escrever livros. Neste novo filme, há uma explosão em uma mina no Alasca e alguns ambientalistas estão fazendo um protesto para evitar que esta filmagem mate as espécies de animais que vivem no local. Lou então tem que ir até o Alasca tentar convencer o diretor a não fazer esta cena. O que ela não esperava era ter que ir até lá num helicóptero com Jack Towsend, que é ex-namorado de sua melhor amiga e o ator mais prepotente que ela conhece. Ela o odeia desde que ele mudou a fala “É sempre divertido até que alguém se machuca” por “Preciso de uma arma maior”. Só que ele é lindo, tem grandes olhos azuis, mas ela não se importa afinal ele é um babaca.

Durante a viagem eles se ignoram completamente até que o piloto aponta uma arma para a cabeça de Jack e diz que foi pago para matá-lo. Então Lou, que sabe manusear armas como ninguém posto que seu pai e seus quatro irmãos são policiais, intervém e o helicóptero acaba caindo numa montanha no Alasca. Não bastasse estar no mesmo voo que Jack, agora ela teria que lutar para sobreviver no gelo com ele. E tem alguém querendo matá-lo. Que ótimo! Mas Jack não está mais feliz com isso do que Lou, ele também a odeia. E assim como ela, ele não sabe quem quer matá-lo. Mas sabe que precisa escapar são e salvo e não pode deixar que nada aconteça com Lou.

Este eu recebi em uma parceria com a Editora Record e simplesmente amei esse livro. Ele é recheado de cenas de ação, fugas na neve, romance e cenas super calientes. Também é muito engraçada a implicância de Jack e Lou que se odeiam por causa de bobagens, mas não conseguem não reparar da beleza um do outro. A história é cercada de mistérios porque, assim como os protagonistas, você não sabe quem quer matar Jack. Os personagens são bem desenvolvidos e a trama prende a atenção. A leitura desse livro só aumentou minha certeza de que eu amo a Meg Cabot.

        
Resenhas de Livros
38
comentários

Estante Lotada © 2010-2017 Layout: design e programação por Cibele Ramos

    
Nos mudamos de www.euleioeuconto.com para www.estantelotada.com.br, por favor atualize seus feeds & links!