Shaandaar

por • 9139 Acessos

Shaandaar

Minha Classificação:
Shaandaar The Movie DB
de Vikas Bahl
Título Original: Shaandaar
Estreia: 22 Out 2015
País: India
Gênero: Comédia, Drama, Romance
Roteiro: Vikas Bahl (história), Chaitally Parmar (história), Anvita Dutt (roteiro)
Elenco: Shahid Kapoor, Alia Bhatt, Pankaj Kapur, Sanjay Kapoor
Duração: 144 min

Um dia, passeando pelo tumblr, vi um gifset que era de um filme indiano e que me chamou muita atenção. Então, revirei a internet mas não consegui encontrar o filme em boa qualidade até eu pedir socorro ao amigo de um amigo meu, que me mandou o filme e eu o vi. O ruim é que: eu gostei mas não gostei.

Aila é uma moça que foi adotada por Bipin, e que mora com sua madrasta e sua irmã Eesha. Eesha está prometida à Robin, irmão de um barão da indústria de perfumes, e só esse casamento/transação de negócios vai ser capaz de tirar toda a família de Bipin da miséria iminente. Com a matriarca da família pressionando a realização do casamento e todos os filhos se submetendo à ela, essa história não poderia dar muito certo.

tumblr_nsxwtbuFBb1qbgnito2_500

Por mais que todo o filme se situe nos preparativos do casamento de Eesha, a protagonista do filme mesmo é a Aila. É com ela que tudo acontece, claro, não negligenciando o casamento e os outros personagens e seus dramas, mas o holofote mesmo é dela e de JJ, o planejador do casamento. Confesso que minha curiosidade para ver o filme se deu mesmo pelos gifs que eu vi, porque passava uma mensagem mega body positive, com a Eesha falando que ela se adorava do jeito que ela é, gordinha mesmo. No filme, vemos que o babacão do prometido dela, Robin, é um gordofóbico de bosta que fica falando mal da garota o tempo todo, e pior que ele a faz duvidar de si mesma, enquanto ela só está aturando aquilo para salvar a sua família da ruína. É triste de ver sabe, e sei que muita gente passou ou passa por isso, então nessa parte o filme é muito positivo. E Aila e JJ formam um casal muito fofo, que tem muita coisa em comum e se entendem muito bem. Então, a história do filme em si é isso, o que não é muita coisa, não é mesmo?!

Isso é como eu sou e eu sou perfeita do jeito que sou.

Isso é como eu sou e eu sou perfeita do jeito que sou.

O que eu mais gostei no filme é que tem umas animações e umas cenas meio nada a ver, isso é bem diferente de tudo que eu já tenha visto. Ah, como todo filme de Bollywood, tem muita música e dança, e as músicas são bem legais, os cenários são lindos e é tudo tão colorido e alegre que dá gosto de ver! O castelo onde vai ser o casamento é apenas divino, se eu souber onde na Inglaterra ele fica (o filme é indiano mas se passa todo na Inglaterra), eu o visitarei um dia. O CGI do filme é bem bem bem podre mesmo, mas já que isso não é foco de nada, não dei muita atenção. Os figurinos são lindíssimos, e eu adorei as roupas da Eesha (se ela quiser me emprestar, fica a vontade). O filme tem 2h e 24min, então no meio tem um intervalo. Isso mesmo, um intervalo! Achei o máximo! A melhor cena, pra mim, foi a que todo mundo ficou alto no almoço, impagável. O filme todo tem cenas engraçadinhas, mas nada que torne o filme muito bom ou nada do gênero, eu vi apenas para matar a minha curiosidade e não veria de novo – achei que o filme perdeu muito boas oportunidades de crítica além da principal -, mas já foi uma boa experiência para primeiro filme indiano, agora vou tentar acompanhar mais filmes assim, já que o que predomina no mercado hoje são produções norte americanas.

Se gostou do post não deixa de compartilhar nas redes sociais ou comentar ali embaixo ♥


Você viu esse filme? Avalie também!
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas




Deixe um comentário

*