Você está em: Início / Categoria / Livros / Pagina 100

#61: Império de Tempestades – Trono de Vidro 5 (Tomo 1), Sarah J. Maas

por • 1654 Acessos

Império de Tempestades - Tomo 1 (Trono de Vidro, #5)

Império de Tempestades - Tomo 1 (Trono de Vidro, #5) goodreads
de Sarah J. Maas
Série: Trono de Vidro #5
ISBN: 9788501109996
Compre em lojas confiáveis:
saraivafnacsubmarinoamericanas
A compra pode render comissão ao blog.

Primeira frase da página 100:
Humana; o cheiro de canela e sabugueiro era completamente humano.

Do que se trata o livro?
Império de Tempestades é o quinto livro da série Trono de Vidro, onde Aelin Galathynius (ex Celaena Sardothien) continua na sua jornada em busca de conquistar de volta seu reino, com inúmeras ameaças em seu encalço: bruxas, criaturas corrompidas por magia negra de outros mundos e agora, também piratas e burocracia.

O que está achando até agora?
Na verdade não li até a página 100, mas sim até a 249. Tive de me segurar para não ler tudo de uma vez, porque como sempre, Sarah J. Maas envolve o leitor de uma tal maneira que simplesmente não dá para largar o livro, e preciso esperar sair o sexto porque se ler os dois tomos de uma só vez, vou ficar chorando até sair o próximo (que nem estou fazendo com Corte de Rosas e Espinhos, a outra série da autora) - porque Trono de Vidro é simplesmente bom demais!

O que está achando da personagem principal?
Aelin está simplesmente incrível. Depois que ela assumiu a sua verdadeira identidade, se tornou uma rainha, mas sempre muito verdadeira consigo mesma. A autora conseguiu manter a essência da assassina divertida e descolada junto da rainha que quer cuidar de seu povo e mudar o mundo através do amor. É simplesmente emocionante para qualquer fã dessa série a capacidade que essa mulher tem de escrever personagens fortes e carismáticas.

Melhor quote até agora:

E Aelin Galathynius, rainha de Terrasen, soube que em breve chegaria o tempo de provar exatamente o quanto sangraria por Erilea.

Vai continuar lendo?
Com certeza! Só não agora, porque apenas o título do sexto volume da série foi revelado, então não tem nem previsão de lançamento - muito menos no Brasil. Olho para esse livro todo dia e peço forças ao universo para não acabar com tudo de uma vez, a espera é sofrida demais. (Queria só deixar aqui uma reclamação formal pela Galera ter dividido o quinto volume em dois tomos (portanto, dois livros) só para fazer os leitores trouxas gastarem mais dinheiro. O quarto volume foi igualmente grande e não foi dividido!)

Última frase da página:
- Corra - ordenou ele.

#60: A Lista de Brett, Lori Nelson Spielman

por • 4821 Acessos

A Lista de Brett

A Lista de Brett goodreads
de Lori Nelson Spielman
ISBN: 9788576862390
Compre em lojas confiáveis:
saraivaculturawalmartamazonkindle
A compra pode render comissão ao blog.

Primeira frase da página 100:
"Ele levanta uma sobrancelha e abre um sorriso. - Eu conheço apenas a mulher bem-sucedida de hoje, ou melhor, a mulher que você vai ser assim que estiver em seu grande cargo, se for essa a sua escolha."

Do que se trata o livro?
Brett acabou de perder a mãe depois de uma breve batalha contra o câncer. A mãe deixa uma grande herança para cada um dos filhos, mas no caso de Brett o recebimento do dinheiro está atrelado a uma condição: ela tem que realizar todos os sonhos em uma lista de sua adolescência. Brett acha que mudou muito e que não tem mais aqueles mesmos sonhos, mas a mãe era sua melhor amiga e a conhecia melhor do que ninguém, então talvez a lista não esteja tão errada assim.

O que está achando até agora?
Olha, o primeiro capítulo foi uma coisa que eu não esperava. São poucas páginas, 3% do total do livro, mas eu chorei e ri alto. As próximas páginas, até então, continuam nesse ritmo e até agora estou gostando. Não estou totalmente investida nem lendo sem parar, mas é uma leitura agradável.

O que está achando da personagem principal?
Até agora bem neutra e passiva. Serve para carregar esse tipo de história, mas não é meu tipo favorito de protagonista.

Melhor quote até agora:

"(...) saiba que o amor é a única coisa sobre a qual você nunca deve chegar a um meio-termo."

Vai continuar lendo?
Vou porque estou chorando e rindo muito (sim, isso é bom) e porque quero saber se ela vai evoluir tanto quanto espero ao longo da história. Claro que não estou nutrindo esperanças de um final surpreendente porque o que vai acontecer já é óbvio, vou continuar mesmo por causa da narrativa e porque, não vou negar, adoro uma comédia romântica.

Última frase da página:
"Ei, eu não queria te deixar assustada. Ainda sou eu, a Carrie. Você entende isso, não?"

OBS: Estou lendo esse livro em e-book então na verdade não tirei as informações da página 100 e sim da posição 30% do livro no meu Kindle.

1
comentário

#59: Pátria Chamada Amor, Marcia Rubim

por • 3923 Acessos

Pátria Chamada Amor: Quando vencer a batalha significa se render

Pátria Chamada Amor: Quando vencer a batalha significa se render goodreads
de Márcia Rubim
ISBN: B0725X7PZ5
Compre em lojas confiáveis:
kindle
A compra pode render comissão ao blog.

Primeira frase da página 100:
[...] assisti a outro homem tentando agarrar o alvo da minha cobiça, apesar de nem conhecê-la ainda. Nada ali me pertencia.

Do que se trata o livro?
Pátria Chamada Amor conta a história de Nina e Christiano, que se conheceram em circunstâncias nem um pouco legais, porém encontram um no outro um porto seguro. Nisso, Christiano, capitão do exército, é convocado para integrar a Missão de Paz no Haiti (MINUSTAH), e vai descobrir que a maior batalha de sua vida é reconquistar um amor perdido.

O que está achando até agora?
Na verdade não li até a página 100, mas sim até a 259 (não sei se o número está certo porque estou lendo no Kobo). Confesso que no começo achei que não fosse gostar muito, pois achei que o desenvolvimento da história seria fraco, mas me peguei lendo rápido porque precisava saber o que acontecia! Houveram umas pequenas coisas que me incomodaram, mas nada que me faça largar o livro.

O que está achando da personagem principal?
A Nina é um amorzinho e cheia de personalidade, estou gostando muito muito mesmo dela. Christiano (prefiro Vicenzo, dá licença) é um cara super legal e cavalheiro, e também (extremamente importante) sabe reconhecer seus erros. Gosto. O livro é narrado tanto por ele quanto por ela, e sempre gosto quando isso acontece porque a narrativa parece mais dinâmica e nós temos as duas visões do que está acontecendo na história e na cabeça dos personagens.

Melhor quote até agora:

- Quer saber de uma coisa, Christiano? Dane-se você e os seus julgamentos! - berrou. - Sei muito bem quem eu sou e não preciso da sua aprovação para nada, ouviu bem?

Vai continuar lendo?
Claro! Cheguei num momento em que preciso saber como a autora vai seguir adiante na história e tô shippando Nina e Vicenzo até não poder mais!

Última frase da página:
O negócio foi que não agi com a cabeça[...]