Os Melhores e o Pior Livro de 2016

por • 6826 Acessos

Essa é a nossa lista de melhores e pior livros de 2016. Não necessariamente lançamentos do ano, mas livros que lemos neste período.

Camila

Melhores

Destinos Mistos – Este foi um ano em que li muito pouco e as leituras ficaram divididas entre leituras para faculdade e romances históricos para distrair a cabeça. Por isso já era esperado um dos livros teóricos ser o melhor do ano. Em Destinos Mistos a Heloísa conta a história dos críticos que fundaram a Revista Clima, uma revista com foco cultural. Eles iniciaram esse projeto enquanto estudavam na USP e a autora contextualiza bem a vida acadêmica e o seguimento das carreiras. São nomes que ficaram bem conhecidos no meio intelectual: Antonio Candido, Décio de Almeida Prado, Paulo Emílio Sales Gomes, Rui Coelho, Lourival Machado e Gilda de Moraes Rocha. O livro é bem escrito e a transição entre os períodos e as relações que o grupo manteve com outros intelectuais é muito interessante. Foi o livro que mais impactou no ano.

A Coisa – É um livro grande, com muitas passagens longas e nem sempre necessárias. Também tive muitos problemas com o destino que o King deu para a personagem feminina, Posto tudo isso, amei todo o resto. A relação de amizade e confiança que o clube dos otários constrói ao longo das páginas é o grande diferencial da história. A atmosfera construída em torno da cidade de Derry é primorosa e entendemos que o mal está ali, assumindo várias formas e faces e que essas crianças estão destinadas a terminar com isso. Eu entendi completamente as ligações que fizeram entre Stranger Things e esse livro, é uma leitura muito interessante para quem gostou da série.

O Grande Gatsby – Esse é um romance que divide as pessoas, muita gente ama, muita gente odeia. Eu amei, achei a narrativa rápida e envolvente e como todo bom clássico ele vai ao longo das páginas apresentando várias camadas. Questões como o sonho americano e a obsessão de Gatsby em casar com a Dayse, vai além do amor romântico. A Dayse é a personificação de tudo aquilo que o Gatsby nunca teve, mas almeja desesperadamente. O romance faz uma ótima leitura da liberdade pós Primeira Guerra Mundial e os impactos causados na terra das oportunidades, escancarando a hipocrisia do sonho americano.

Menções Honrosas: Hamlet, Shakespeare – Erros Fantásticos, Neil Gaiman – Cress – Crônicas Lunares #3, Marissa Meyer, Kiss of Deception – Crônicas de Amor e Ódio #1, Mary E. Pearson

Cibele

Melhores

O Adulto – Apesar de ser um conto e ter pouquíssimas páginas, a história é repleta de suspense e reviravoltas, como a autora já provou saber fazer muito bem em seus livros anteriores. Então eu li e obviamente fiquei ainda mais apaixonada pela escrita da Gillyan Flynn.

Jantar Secreto – Os livros do Raphael Montes como sempre traumatizantes e maravilhosos, nesse aí não poderia ser diferente. Foi difícil conseguir chegar ao final de tão enjoada que fiquei durante toda a leitura, mas consegui e não me arrependo. É um livro que eu não tenho forças de reler, apesar de ser um dos melhores do ano.

Mayra

Melhores

Série Trono de Vidro – Em mais uma série de mais uma ficção fantástica, Trono de Vidro se destaca pela sua trama evolutiva e pelos personagens super carismáticos e profundos. O mundo é muito bem construído e é impossível não se envolver com a história da assassina com um passado misterioso, que vai sendo belamente desvendado ao longo dos volumes, além disso, os outros personagens vão ganhando espaço e o universo vai se expandindo. Cheia de reviravoltas, amor, ódio, vingança e surpresas, Trono de Vidro foi a queridinha do meu ano.

Série Corte de Espinhos e Rosas – Da mesma autora de Trono de Vidro, Corte de Espinhos e Rosas empata no quesito de ser bom. O segundo livro da série é tão lindo, mas tão lindo que eu virei fangirl na hora em que terminei de ler. Mais uma vez o mundo é incrivelmente bem construído e os personagens são incríveis. É impossível não se apaixonar pela série e amar a Sarah J. Maas, que foi a melhor autora desse 2016 para mim.

Série Cormoran Strike – J. K. Rownling escrevendo romances policiais no começo não me pareceu boa coisa, mas aí eu, linda que sou, comprei os três livros de uma vez só, li todos em uma semana e cá estou amando muito Cormoran e Robin. Apenas excepcional! Nessa série a autora mostra a sua versatilidade e como ela sabe escrever sobre qualquer coisa, portanto, merece todos os louros que nós (fãs de Harry Potter) rendemos para ela por todo esse tempo. Trabalho de mestre.

A Garota na Teia de Aranha, Millennium #4 – O trabalho de David Lagercrantz era praticamente impossível: continuar a Trilogia Millennium sem fazer com que os fãs o comessem vivo. E não é que ele conseguiu?! Esse volume, o quarto da série, é um apanhado das melhores características dos outros três livros, mantendo a identidade da série mas também a do novo autor. Ele não copiou o trabalho de Stieg Larsson, mas o continuou com muita graça e sabedoria. Obrigada de verdade pela coragem! Que Lagercrantz não demore a publicar os próximos livros é o meu maior desejo para 2017.

O Senhor dos Anéis – Por mais que eu ainda não tenha conseguido terminar o último livro, ler O Senhor dos Anéis é uma realização pessoal e tanto. É sensacional enxergar nesses livros elementos que estão presentes em muitas séries de livros aclamadas, e o universo e o legado que Tolkien criou ali são tão envolventes que dá para entender porque perduram até hoje. Confesso que a leitura é meio maçante para quem não está acostumado, mas vale a pena! Espero que em 2017 eu consiga terminar todos os cinco livros.

Menções honrosas: HQs de Deadpool – Serial Killers: Louco ou Cruel?, Ilana Casoy.

Pior

Maestra – Quer me vender um livro é estampar o nome “Garota Exemplar” na capa. Comprei Maestra no dia de lançamento porque estavam dizendo que era incrível e excepcional, mas achei confuso e surreal. Até agora não entendi muito bem o que a autora quis fazer ali e se eu pudesse reaver meu dinheiro pago nesse livro, seria uma pessoa muito feliz. Não recomendo.

Se gostou do post não deixa de compartilhar nas redes sociais ou comentar ali embaixo ♥




Deixe um comentário

*