Um Estudo em Vermelho – Sherlock Holmes 1

por • 5602 Acessos

    Livros da série Sherlock Holmes:

  1. Um Estudo em Vermelho
  2. O Signo dos Quatro
  3. As Aventuras de Sherlock Holmes
  4. As Memórias de Sherlock Holmes
  5. O Cão dos Baskervilles
  6. O Retorno de Sherlock Holmes
  7. O Vale do Medo
  8. O Último Adeus de Sherlock Holmes
  9. Histórias de Sherlock Holmes
Um Estudo em Vermelho – Sherlock Holmes 1

Minha Classificação:
Um Estudo em Vermelho goodreads
de
Publicação: em 2013
Gênero:
ISBN: 9788537810873
Título Original: A Study in Scarlet
Páginas: 190
Tradução: Maria Luiz X. de A. Borges
Compre em lojas confiáveis:
saraivaculturasubmarinoamazonkobokindle
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

Um estudo em vermelho é o primeiro romance protagonizado pelo famoso detetive Sherlock Holmes, nesse volume acompanhamos a dupla dinâmica, Holmes e Watson, sendo apresentados e indo morar juntos. As peculiaridades de Holmes e seu senso aguçado para desvendar os mistérios que rondam crimes. Após demonstrar sua capacidade de análise para o Dr. Watson, Holmes reclama sobre não ter um criminoso que faça frente a sua capacidade e por isso todos os crimes podem ser solucionados pelo mediano corpo policial.

“Você parece espantado”, disse ele, sorrindo diante de minha expressão de surpresa. “Agora que sei disso, farei o possível para esquecer”.

É nesse contexto que dois chefes de polícia, Lestrade e Gregson, pedem a consultoria de Holmes em um caso estranho que ambos estão investigando, quem o convence a ir até o local do crime é Watson e mediante o absurdo que todos sentem com a situação inusitada, Holmes começa a conjeturar o que pode ter acontecido ali e sai em busca do criminoso.

“Não há crimes nem criminosos hoje em dia”, disse ele, em tom de queixa. “De que adianta ter cérebro em nossa profissão? Sei muito bem que tenho condições de tornar meu nome famoso.”

ilustracao-sherlock-holmesQuem narra a história é o Dr. Watson, ele faz as anotações durante o caso e depois transcreve numa tentativa de elucidar o papel de Holmes na solução do crime, já que todos os méritos vão para os policiais encarregados do caso. A narrativa é leve e fluída, com capítulos curtos e, no caso dessa edição da Zahar,  ilustrações, por isso quando se percebe o livro já acabou. No meio da história tem uma quebra de ritmo na narrativa, ela vira um relato de acontecimentos passados, que vai ajudar o leitor entender sobre o crime e os motivos do criminoso, mas parece que você foi transportado para outra história, outro livro, durante essas páginas. Essa quebra acontece bem no ápice da primeira narrativa, então o sentimento de frustração acontece, porém logo o autor te envolve de novo naquilo que ele está contando agora e quando percebe chegou no fim da história.

“Este caso vai causar sensação, senhor”, comentou. “Supera qualquer coisa que eu já tenha visto, e não sou nenhum frangote”.

Para uma apreciadora de romances policiais era uma tremenda vergonha não ter lido nada de Sherlock ainda, apesar de ter visto os dois filmes com Robert Doney Jr., que achava muito bom até assistir a série Sherlock da BBC com o Benedict Cumberbatch, – e isso é muito sério, se você ainda não viu a série, para tudo o que você está fazendo e vai ver, porque vale muito a pena – não substitui a leitura dos livros, então estou feliz por finalmente ter iniciado essa jornada que será ler os livros de Sherlock Holmes. 

Se gostou do post não deixa de compartilhar nas redes sociais ou comentar ali embaixo ♥


Você leu esse livro? Avalie também!
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas
(1 votos, média: 5,00 de 5)




Deixe um comentário

*