Luke Cage – Parte 1

por • 4786 Acessos

Luke Cage – Parte 1

Minha Classificação:
Luke Cage - 2016 The Movie DB
de Cheo Hodari Coker
Status: 1 temporada (renovada)
Episódios vistos: 13
Elenco: Mike Colter, Simone Missick, Theo Rossi, Alfre Woodard
Gênero: Drama, Ficção científica, Fantasia
Canal Original: Netflix
Canal no Brasil: Netflix
Duração do Episódio: 46 minutos
Assistir Luke Cage online: Netflix

Antes de tudo preciso dizer que nunca li as HQs de Luke Cage, vi o personagem apenas em Alias de Jessica Jones onde ele aparece bem pouco, portanto a minha opinião é apenas sobre a série, sem comparação com os quadrinhos.

luke_comehere

Luke Cage acompanha a história do super-herói em questão depois dos eventos de Jessica Jones. Agora ele saiu de Hell’s Kitchen para o Queens e precisa lidar com os fantasmas de seu passado para conseguir seguir em frente.

A série é boa? É. É a melhor da Marvel? Não. Luke Cage funcionou para mim melhor como um retrato de seu tempo do que como série de super-herói. A representatividade negra e a questão da violência policial americana são o foco maior na história que não é muito mais do que isso, pois ficou devendo em muitos aspectos. Os primeiros episódios foram marcados por: um roteiro preguiçoso, fraco e recheado de clichês; um vilão que era ao mesmo tempo um ótimo personagem e um antagonista que não era páreo para o Luke. Confesso que a princípio continuei vendo apenas pela promessa de que algo melhor poderia acontecer. Alguns episódios depois foram de fato excelentes mas o resto ficou muito aquém das minhas expectativas.

Explicando melhor os meus problemas com o roteiro, eu fiquei o tempo inteiro com a sensação de que eles tinham muito episódio para pouca história então tudo foi esticado demais mesmo que não fizesse sentido. Como por exemplo quando o Luke se machucou e depois disso tiveram uns 3 episódios com aquele ~suspense~ de “ó será que o protagonista vai morrer?”. Gente, o dia que um protagonista de série da Marvel morrer no meio de uma temporada pode se preparar que o apocalipse zumbi tá chegando.

Como ponto positivo, no entanto, para mim o maior trunfo foi com certeza a escolha de elenco desde seu personagem principal até os atores em papéis menores. Inclusive vamos aqui falar de Mike Colter. Eu já o conhecia porque ele fez um papel recorrente em The Good Wife, onde era um dos clientes mais assustadores de Alicia, sempre que ele aparecia eu já me arrepiava / morria de medo. Agora como o herói bonitão ele entregou mais uma vez exatamente o que foi pedido e tinha uma vibe totalmente diferente da que tinha como Lemond Bishop.

lemond_bishop

*olha ele em The Good Wife* Você não me machuca, e eu não machuco você.

O final da temporada deixou montado o plot para a próxima, as últimas cenas foram praticamente um teaser do que está por vir. O futuro parece promissor, mas parece também não ter muitas novidades, só pelo que já foi mostrado imagino tudo o que vai acontecer. A próxima temporada promete ação, mas pelo visto tudo que me incomodou vai acontecer de novo. Talvez eu até continue acompanhando, mas não veja tudo em um final de semana o que pode até me fazer gostar mais e ignorar os defeitos que me irritaram na temporada inicial.

luke-cage-bullets

Esse post foi a parte 1 porque na quarta-feira a Mayra vem com a opinião dela sobre a série (que ainda não sei com certeza mas acredito ser bem mais favorável que a minha). Quando estiver no ar coloco o link aqui Olha o link :)

Se gostou do post não deixa de compartilhar nas redes sociais ou comentar ali embaixo ♥


Você viu essa série? Avalie também!
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas

0
comentário



Deixe um comentário

*