Cress – Crônicas Lunares 3

por • 11722 Acessos

    Livros da série Crônicas Lunares:

  1. Cinder
  2. Scarlet
  3. Cress
  4. Winter
Cress – Crônicas Lunares 3

Minha Classificação:
Cress (Crônicas Lunares, #3) goodreads
de
Publicação: em 2015
Gêneros: , ,
ISBN: 9788579802447
Título Original: Cress
Páginas: 496
Tradução: Regiane Winarski
Compre em lojas confiáveis:
saraivaculturasubmarinoamazonkobokindle
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

Esse é terceiro livro da série, portanto podem haver SPOILERS dos primeiros. Se não se importar, siga adiante!

Quando ela era criança, a bruxa a trancou em uma torre que não tinha portas nem escadas.

[capa]

Continuando a maratona de resenhas dos livros das Crônicas Lunares, vamos ao último que foi lançado aqui no Brasil, Cress, que foi a primeira leitura do ano e me deixou ansiosa para o fim da série com Winter. Cress já tinha aparecido rapidamente no primeiro livro, nos deixando desconfiados de que ela seria a versão da Rapunzel na história, e não estávamos errados. 

Cress é uma hacker extremamente habilidosa, que está presa num satélite por ordem da coroa lunar, sua função é desestruturar as defesas tecnológicas da Terra, para que os lunares possam entrar e sair sem ser detectados, além de ser responsável pelos sistemas que espionam os líderes mundiais. Cansada de viver presa e do massacre que os lunares impuseram aos terráqueos, Cress decide ajudar a fugitiva mais procurada da Terra, Cinder, que pode ser a pessoa capaz de derrubar a rainha Levana.

Cress, isso é lindo, mas eu não sou o primeiro cara que você conhece? – Vamos, levante-se

Cress é docemente ingênua, e após sete anos presa, sozinha, ela tem devaneios sobre ser uma donzela em perigo e que será salva por um herói, gerando as melhores interações entre ela e o Thorne, enquanto a Cress acha que se apaixonou por ele a primeira vista, ele continua sendo sarcástico e meio cafajeste.

Cinder finalmente tem um plano e quando tudo parece encaminhado eles são desviados por um sem número de coisas que dão erradas, mas dessa vez Cinder é firme no seu propósito e mantém a tripulação no rumo certo. Outra personagem que não falei ainda e que acompanha Cinder desde o primeiro livro, e simplesmente rouba a cena nesse, é a Iko, uma androide cheia de personalidade que traz humor e tiradas fantásticas em cada cena que aparece, ela torna tudo mais leve. Scarlet está determinada a ajudar Cinder até o fim da sua empreitada, porém ela acaba indo parar no último lugar em que queria estar e terá que ser forte para aguentar as provações.

Neste livro a história cresceu e a interação entre os personagens foi incrível, a construção da narrativa foi tão boa que não mudaria nada. É muito bom acompanhar uma série em que o mundo se expande e a qualidade ou se mantém ou melhora, e me sinto assim lendo essa série, parece que cada livro é melhor que o último. Mal posso esperar pelo lançamento de Winter aqui no Brasil, que terá como inspiração a Branca de Neve.

Acredite em mim, Cress. O prazer foi todo meu.

Com certeza esses não serão livros que vão mudar a sua vida, mas além de serem ótimos como entretenimento, a autora faz uma releitura das princesas como garotas fortes, que precisam antes de tudo lutarem por si mesmas para depois lutarem pelos outros, são livros com romances sim, mas eles são construídos com muito mais do que uma donzela um perigo, como a Cress aprende nesse volume.

Se gostou do post não deixa de compartilhar nas redes sociais ou comentar ali embaixo ♥


Você leu esse livro? Avalie também!
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas

0
comentário



Deixe um comentário

*