Empire

por • 28240 Acessos

Empire

Minha Classificação:
Empire - 2015 The Movie DB
de Lee Daniels
Status: 3 temporadas (renovada)
Episódios vistos: 37
Elenco: Terrence Howard, Bryshere Y. Gray, Jussie Smollett, Trai Byers
Gênero: Drama, Música
Canal Original: Fox Broadcasting Company
Duração do Episódio: 43 minutos

Sempre ouvi e li comentários bons sobre Empire mas eu não tinha nem noção do que se tratava a série. A única coisa que eu sabia era que o elenco principal é todo formado por negros e isso já me chamou atenção, então quando vi que a Mindy Kaling adora essa série, pensei “é impossível que eu não goste”. E amei.

Empire é o nome da gravadora do bilionário Lucious Lyon, um rapper famoso que decidiu montar seu próprio negócio. Ele então descobre que tem ELA (Esclerose Lateral Amiotrófica ou Doença de Lou Gherig – lembram do Desafio do Balde de Gelo, para conscientizar as pessoas sobre uma doença? Então, é essa mesma), uma doença degenerativa que não tem cura, e segundo a médica, ele tem três anos ou menos de vida. Por isso, ele reúne seus três filhos e decide que quem mostrar melhor desempenho, vai herdar a empresa, começando assim uma disputa entre irmãos. O que ele não contava é que a sua ex-mulher saiu da cadeia, depois de 17 anos presa, e não vai tornar essa jornada nada fácil.

“As ruas não foram feitas para todo mundo, por isso eles criaram calçadas.”

Tenho que dizer qutumblr_nqjatyvv081s9kqtdo1_250e Empire me conquistou desde o piloto. Nele vemos a explicação de como a Empire começou e vemos Cookie, a ex esposa, na cadeia em flashbacks emocionantes e muito bem feitos. Daí a Cookie sai da cadeia e vai procurar seus três filhos e tentar tomar sua parte por direito da gravadora. Temos Andre, o mais velho e mais dedicado à Empire, que trabalha e estudou a vida toda para herdar o caminho do pai; Jamal, o filho do meio, que é gay, mora com um moço mas não é aceito de jeito nenhum pelo pai, por mais que ele tenha talento musical de sobra; e por fim, temos Hakeem, o mais novo (e mais chato) que não passa de um filhinho de papai mimado que tem costas quentes em seu futuro como rapper. Quando Lucious anuncia que vai por a empresa na bolsa de valores, a disputa entre os irmãos se inicia. Que a batalha comece.

Eu com certeza vou terminar de ver a primeira temporada e aguardarei ansiosamente o retorno da série em setembro. Confesso que no começo achei que fosse ser uma série meio meh, porque o plot do piloto é só aquilo ali de cima mesmo e pronto. Mas não! A série vai se abrindo e o espectador vai vendo como ela é cheia de possibilidades boas e como ela pode ir pra frente. Não aconselho Empire para quem odeia musicais porque a série é permeada por música o tempo todo – poxa, o cara é dono de uma gravadora – e as músicas são bem hip hop, de raiz. Aliás, é o elenco principal que canta mesmo! (!!!!!!!!!!!) A qualidade das músicas, fotografia e texto são impecáveis. É incrível como eles conseguem fazer os flashbacks se integrarem com a série e ao mesmo tempo em que você ri, você percebe o drama envolvendo os personagens.

“Só porque eu pedi pra Jesus te perdoar, não significa que eu o tenha feito.”

tumblr_nknf5k6ncY1u84uuio3_400

Os personagens são um show à parte. O Lucious (vivido por Terrence Howard) é aquele vilão que amamos odiar. Nunca pensei que ele fosse tão bom ator e me surpreendi positivamente. Não conhecia a Taraji P. Henson, que é a Cookie e também é de longe a melhor personagem da série! Que mulher guerreira, forte, inteligente e racional. Ela é sensacional, de verdade. Soube que ela foi indicada ao Emmy (junto com a minha amada Viola Davis) e tô torcendo muito por ela. Dos três filhos, todos atuam bem, mas meu personagem preferido é o Jamal, o gay. Porém todos os irmãos são bem conectados e se amam muito, por mais que estejam disputando o controle da Empire. E ainda por isso, se traem e se mostram muito inteligentes também. Todos os personagens são bem construídos e para mim, o mais raso mesmo é o Hakeem, o filho mais novo. Portanto, indico muito a série para quem gosta de um bom drama com bons toques de comédia e humor negro. Destaque para a cena do jantar de família em que a Cookie dá um show e só por aquilo ela merece todos os troféus de Melhor Pessoa da vida.

Se gostou do post não deixa de compartilhar nas redes sociais ou comentar ali embaixo ♥


Você viu essa série? Avalie também!
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas
(1 votos, média: 5,00 de 5)

0
comentário



Trackbacks/Pingbacks

Deixe um comentário

*