Um Perfeito Cavalheiro – Os Bridgertons 3

por • 39064 Acessos

    Livros da série Os Bridgertons:

  1. O Duque e Eu
  2. O Visconde Que Me Amava
  3. Um Perfeito Cavalheiro
  4. Os Segredos de Colin Bridgerton
  5. Para Sir Phillip, Com Amor
  6. O Conde Enfeitiçado
  7. Um Beijo Inesquecível
  8. A Caminho do Altar
Um Perfeito Cavalheiro – Os Bridgertons 3

Minha Classificação:
Um Perfeito Cavalheiro (Os Bridgertons, #3) goodreads
de
Publicação: em 2014
Gênero:
ISBN: 9788580412383
Título Original: An Offer From a Gentleman
Páginas: 304
Tradução: Cássia Zanon
Compre em lojas confiáveis:
saraivafnacculturasubmarinoamazonkobokindle
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

[capa]

Olá. Como você está lendo essa resenha, vou assumir que tenha mais de 5 anos de idade e também vou assumir que sabe quem é Cinderella. Aquela, da Disney, sabe? Do sapatinho de cristal, da abóbora que vira carruagem, dos ratinhos costureiros e da fada madrinha? “Cinderella, Cinderella, noite e dia é Cinderella”? Mesmo se você não souber (e não jogar no google), vem comigo.

Sophie é a filha bastarda do conde de Penwood, mas é tida por todos como sua tutelada. Ele a educou e a vestiu, deu alimento e teto pra ela. Então ele se casou com Araminta, que tinha duas filhas: Posy e Rosamund, e depois de um tempo, o conde morreu. Sophie então foi feita de empregada por Araminta, que a odiava mais do que qualquer coisa e incitava as filhas a odiá-la e maltratá-la também. Porém numa noite de baile de máscaras, Sophie viu a oportunidade de ser alguém além de uma mera serviçal: ela poderia se disfarçar de princesa por pelo menos uma noite. No baile de máscaras, ela conheceu Benedict Bridgerton, filho da anfitriã, que logo se apaixonou pela moça; porém ao dar meia noite, ela fugiu sem nem ter lhe dito seu nome. O reencontro dos dois foi três anos depois: será que a mesma faísca se acenderia novamente?

“Ela deu um passo para a frente e ele soube que sua vida havia sido mudada para sempre.” Pág. 38

Diferente da Cibele, eu não gosto da Cinderella, mas vejam só: a primeira parte do livro nada mais é que um plágio uma homenagem à princesa – da madrasta maligna com duas irmãs odiosas a sair do baile meia noite deixando uma pista para o “príncipe”. Depois disso o livro fica mais interessante e tenho que dizer que a Julia Quinn está me fazendo repensar um pouco meu conceito sobre si porque está melhorando muito as histórias com o passar dos livros. A construção da história e o modo como eles se reencontram é muito interessante, mesmo que Benedict banque o herói da narrativa na maior parte do tempo.

“Por Deus, ela reconheceria aquela voz em qualquer lugar. Escutava-a com bastante frequência em seus sonhos. Era Benedict Bridgerton. Seu príncipe encantado.” Pág. 82

Eu, Mayra, tenho um humilde pedido a fazer para quem diagrama as capas dessa série: Pelamor amigx, pelo menos dá uma olhada no material pra ver como a protagonista é porque não é possível que tenham trocado a capa do segundo e terceiro livro, já que a Sophie do livro 3 é meio aloirada (capa do segundo volume) e Kate tem cabelos negros (capa do terceiro livro). Vamos rever isso aí faz favor? Obrigada, de nada. E sobre o título: não achei Benedict o perfeito cavalheiro, mas tudo bem, ele é mais inocente que o irmão. Se eu disser mais, darei spoiler.

“E viu um homem. Um homem nu. Um… Benedict nu?” Pág. 134

O que eu mais gostei nesse livro, além do desenrolar da história, que foi significativamente mais rico do que nos outros dois livros, foi que Sophie não era ingênua como as protagonistas anteriores e ela tem um caráter muito à frente da época em que o livro se passa. Mais uma vez a autora introduz Colin na história – mas bem menos do que no segundo livro, o que me deixou ainda mais ansiosa pra ler o quarto volume da série, que é o livro de Colin. E também vale destacar que dessa vez a autora soube me fazer odiar a madrasta, deve ter sido porque ela era realmente ruim e não havia como gostar daquele monstro…

Se gostou do post não deixa de compartilhar nas redes sociais ou comentar ali embaixo ♥


Você leu esse livro? Avalie também!
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas
(1 votos, média: 5,00 de 5)




Deixe um comentário

*