O Futuro de Nós Dois

por • 5338 Acessos

O Futuro de Nós Dois

Minha Classificação:
O Futuro de Nós Dois goodreads
de ,
Publicação: em 2013
Gêneros: , ,
ISBN: 9788501097231
Título Original: The Future of Us
Páginas: 384
Tradução: Ana Ban
Compre em lojas confiáveis:
saraivasubmarinoamazonkobokindle
A compra pode render comissão ao blog.

Capa original

Desde quando fui ao Embarque Com A Galera e fiquei sabendo dos lançamentos da editora, morri de vontade de ler vários livros, inclusive O Futuro de Nós Dois. E quando a Cibele o recebeu, eu fiz o favor de perturbá-la até ela me emprestar o livro, e digo que foi uma grata leitura porque eu esperava um romance adolescente normal e ao invés de querer abandonar o livro, o li em todos os lugares possíveis pra saber o final.

[capa]

O ano é 1996. Poucas pessoas do ensino médio norte-americano são agraciadas com um computador e Emma é uma delas. Ela ganha o Windows 95 de seu pai, e instala o CD-ROM da America Online que Josh, seu melhor amigo, lhe deu. Quando ela efetua login em seu e-mail, aparece uma caixinha com bordas azuis, que tem “Facebook” escrito no canto superior esquerdo. Ela põe seu e-mail e senha e entra em uma página com uma foto de uma moça igual a ela, porém mais velha. Ela também nasceu no mesmo dia que Emma… Será que isso é seu futuro? Será que ela é feliz? O que pode ter acontecido com ela, com seus amigos? Você mudaria seu presente se soubesse de seu futuro?

Antes de começar a resenha, quero deixar aqui a minha indignação: a capa seria perfeita SE não tivessem zuado um pouquinho os traços do rosto da menina. O rosto do Josh ficou ótimo, mas o da Emma ficou meio estranho, bem forçado. Não que a capa de lá de fora seja mais bonita, achei o negócio do “perfil” do Facebook na capa muito bem colocado, mas só queria deixar aqui que o rosto da Emma me incomodou. Fora isso, ÓTIMA capa!

– Talvez – digo, mas estou mais preocupada com o que Kellan disse sobre viagens no tempo. Se fossem totalmente impossíveis, ela iria me dizer. Mas não foi o que ela falou. Pág. 61-62

Bom, vamos às minhas impressões sobre o livro: muito bem escrito, personagens leves e bem delineados e trama muito atraente. É muito interessante ver as diversas ações do presente dos personagens que acarretam em mudanças gigantescas no futuro, como por exemplo: num dia ruim, a sua comida favorita pode perder o sabor e não vir a ser sua comida favorita daqui a 15 anos. E é assim que o livro se desenrola, com ações presentes que mudam o perfil do Facebook de Josh e Emma. Uma hora ela é casada e não tem filhos, outra hora ela tem uma filha e mora perto de uma praia. Com Josh, é o mesmo: ele tem trigêmeos hoje, mas não tem filhos amanhã. E será que o futuro é tão incerto assim? Emma vê que será infeliz, e tenta mudar isso. Mas será que ela vai conseguir ser feliz se mudar drasticamente o hoje? Eu adorei esse fato do livro, o que é verdade: se você muda algo hoje, pode ser decisivo na sua vida, pode alterar seu futuro pra sempre e pode determinar o seu destino.

É uma coisa muito forte pensar que o Facebook não se limita a Josh e eu. Talvez eu possa achar qualquer pessoa e ver como vai ser o futuro dela. Pág 106

Vendo pela perspectiva do livro, achei ótima a retratação do Facebook: com todos os seus recursos e vidas super expostas. Emma sabe de muitas coisas apenas vendo o status de seu eu futuro, e eu parei pra pensar: tem muitas pessoas que realmente se expõem muito em redes sociais. Eu sou uma viciada em redes sociais, principalmente o Twitter e penso que é uma tendência se viver mais online do que offline. Tanto que adorei o final do livro, que eu não vou contar mas me deixou com os olhos mais abertos para o presente. “Viva o agora” é o recado de O Futuro de Nós Dois.

Nos últimos cinco dias, tenho tentado entender poque isso acontece comigo e como posso mudar as coisas para que não aconteça de novo. Pág. 337

Um fato muito bom é que o livro se passa em apenas uma semana, então esse rolo de futuro não fica desgastado. Além disso, no livro são encontradas algumas referências aos anos 90: fitas K-7, Oasis, Green Day, Discman, etc. Isso não é de todo explorado, mas é legal pra dar uma ambientação mais 90’s ao livro. Ah, e o livro é narrado em primeira pessoa, alternando capítulos: um de Emma, um de Josh. Portanto, recomendo essa leitura e agradeço por não ter me surpreendido negativamente.

Espero que tenham gostado da resenha!
Beigos!

Se gostou do post não deixa de compartilhar nas redes sociais ou comentar ali embaixo ♥


Você leu esse livro? Avalie também!
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas
(1 votos, média: 5,00 de 5)




  • Territorio das G.
    10/07/2013 # 13:36:31

    Oi, tudo bom?
    Passando para deixar um comentário rsrs
    Não li ainda , apesar de todo mundo
    já ter lido e falado bem :(
    Beijos*-*
    Território das garotas

    Responder

  • Livros e bombons
    10/07/2013 # 14:34:14

    Oii
    Eu amo teu blog ,
    passei aqui para dizer que tem outra tag lá pra ti no meu blog
    passa lá

    Beijooooooos :)

    Responder

  • Ray Pereira
    11/07/2013 # 10:57:59

    Muito curiosa obre esse livro, só tenho lido coisas boas sobre ele. Adorei a resenha \O/
    Beijos
    @_RayPereira

    Responder

  • DanisohDani
    16/07/2013 # 13:24:53

    Oi, Mayra! Fiz essa resenha há pouco tempo também e ficamos com opiniões bem parecidas!! Eu adorei o livro, porque sou mega ansiosa com o futuro (tipo de fazer terapia para a ansiedade! rsrsrs), então ler este livro foi ao mesmo tempo a realização de um desejo (saber do futuro e poder controlá-lo do presente) e um tapa na cara para eu parar com isso! ahahaha

    bjs

    Responder

Deixe um comentário

*